Por que quando o corrupto é do PSDB a Folha trata como algo normal?

3h
O PT chegou a uma encruzilha? Marco Antonio Villa, o guru do PSDB! É bom que as análises cobrem mais caro do PT do que do PSDB. Só assim ficamos sabendo que, depois de quatro eleições presidenciais consecutivas, o PT chegou numa encruzilhada. E quem perdeu, chegou aonde? No mato sem cachorro? Ou foram com a vaca pro brejo? Que outro partido, isoladamente, pode se equiparar ao PT? O DEM? O PSDB? O PMDB? As análises do historia
3h
PSDB mineiro não entendeu nada, pois confunde cavaleiro com estadista Para o presidente do PSDB mineiro, “Minas falhou com um grande estadista”. Perfeito, se o conceito de estadista seja aquele que governa um Estado a partir de um botequim do Leblon, e que, providencialmente, deixa o pai de Conselheiro da CEMIG e a irmã distribuindo as verbas para as próprias rádios e jornais. Quem contabiliza vacina em cavalos como gasto com saúde merece o troféu de estadista das e
4h
Passadas as eleições, a realidade sem maquiagem cobra seu preço O choque de gestão do PSDB importou do Nordeste um prática que, com a transposição do São Francisco e com a distribuição de reservatórios d’água, vai coisa do passado. Imagine isso acontecendo numa administração do PT… CRISE D’ÁGUA  ONGs apontam má gestão do Cantareira Produção de água foi mantida em nível alto mesmo nos 5 meses de seca atípica em período de chuvas, dizem organizações Aliança pela
Por que quando o corrupto é do PSDB a Folha trata como algo normal?

ficha-sujaNão há aquelas manchetes criminalizando toda a instituição a que pertence o meliante. Se as pessoas se dessem contas destas sutilezas, que nem são lá tão sutis assim, talvez odiassem menos o PT e passassem a olha a relação do PSDB com a Folha, Estadão e Veja com outros olhos.

Fatos como estes, acontecem todos os dias, mas não chegam à capa. Não é mero acaso que o PSDB seja o partido com mais políticos cassados pelo Ficha Limpa. Na verdade, ninguém chega ao pés do PSDB em termos de Ficha Suja, mas que, devido à proteção mafiosa dos velhos grupos de mídia.

O mais engraçado, não fosse trágico, é o esforço que velha mídia faz por colar no PT o que no PSDB faz parte de sua própria essência, como  a pele.

Investigado, fiscal comprou 19 imóveis em cinco anos

Servidor e assessor de vereador são suspeitos de cobrar propina de comerciante

Citado em reportagem da TV Globo, vereador terá que se explicar ao PSDB; ele diz que exonerou assessor

ARTUR RODRIGUES LEANDRO MACHADO, DE SÃO PAULO, para a FOLHA

Investigado pela prefeitura, um fiscal suspeito de cobrar propinas durante a CPI dos Alvarás na Câmara Municipal de São Paulo acumulou ao menos 19 imóveis nos últimos cinco anos.

Na lista de bens do engenheiro Roberto de Faria Torres, constam apartamentos de alto padrão, vagas em edifícios garagem e boxes em prédios comerciais.

Gravação exibida no “Fantástico”, da TV Globo, mostra o assessor parlamentar Antonio Pedace pedindo R$ 15 mil ao dono de um bar.

O dinheiro, segundo a reportagem, seria usado para retirar o estabelecimento da lista de fiscalizados da CPI.

Torres é funcionário da prefeitura emprestado para a Câmara. Pedace é assessor do presidente da CPI, vereador Eduardo Tuma (PSDB).

Na lista de imóveis do fiscal investigado, obtida pela Folha, consta, por exemplo, um apartamento de um condomínio na Vila Mariana, zona sul, em que uma unidade custa mais de R$ 1 milhão.

Torres recebe R$ 4.000 por mês na Secretaria Municipal de Licenciamentos. Para comprar um apartamento como esse, teria de juntar todo o salário por mais 20 anos.

Desde 2005, ele adquiriu ao menos quatro apartamentos, uma casa, duas vagas em edifícios garagem e dez boxes em um edifício comercial, na região central.

O fiscal já era investigado pela CGM (Controladoria Geral do Município), que mapeou servidores com patrimônio suspeito. Agora, o órgão vai apurar a suposta extorsão ao comerciante.

De acordo com o vídeo exibido pelo “Fantástico”, Torres e Pedace indicam outro engenheiro, Marcos Peçanha, que pede R$ 13 mil ao comerciante para “dar baixa” no processo, com um parecer que retiraria o estabelecimento da lista da CPI.

Em outra gravação, Peçanha diz ao dono do bar que falará diretamente com o presidente da CPI, Eduardo Tuma. Ele diz que daria um “presente” ao vereador.

INVESTIGAÇÃO

O promotor Roberto Bodini, que abriu investigação nesta segunda (27), afirma que mais pessoas dizem ter sido extorquidas.

O PSDB diz que Tuma terá de se explicar em uma reunião nesta terça (28). O vereador afirma que exonerou Pedace e cobrou explicações dele, além de acionar criminalmente Marcos Peçanha.

O advogado de Pedace, David Figueiredo, nega que seu cliente tenha cometido irregularidades. Ele afirma ser sócio, em um escritório de advocacia, do ex-deputado federal Robson Tuma, primo do vereador Eduardo Tuma.

A Folha não localizou Torres e Peçanha.

Visit Website

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s